sábado, 13 de julho de 2013

Creme Rústico de Mandioca e Linguiça

Primeira receita que coloco aqui com um passo a passo mais detalhado. Mas ela é tão, tão fácil de fazer que nem precisava. Cozinha pra iniciantes mesmo! Nem por isso menos saborosa, tá?

Então vamos lá, com muita calma nessa hora, porque é a minha primeira vez (hehehe...).

Comece separando e picando os ingredientes, para não se enrolar:

Pique metade de uma cebola em cubinhos pequenos;

Fatie uma linguiça fininha - no meu caso, de frango - em rodelas grossas, como mostra a foto aí embaixo;

Corte 700 g de mandioca em pedaços mais ou menos do tamanho do pedaço que você tiver cortado a linguiça. Eu compro a mandioca (ou aipim, ou macaxeira) já descascada pelo moço da feira, porque não gosto da sujeirada que faz. Mas nem é difícil. Lembre-se de que você tem que tirar aquela casca marrom cheia de terra e também uma segunda casca que ela tem, uma casca grossa, branca. Se você fizer um pequeno corte na mandioca já vai ver que tem uma coisa se soltando. Tire fora!

Pique um punhado de folhas de salsa e deixe num potinho à parte.


Então, ponha uma panela no fogo. Escolha uma de tamanho maior, para caber todos os ingredientes. Coloque 1 colher (sopa) de azeite e refogue aí a cebola. Não é para fritar, é só para dar uma "suada" na cebola. É rápido e você vai perceber que ela fica menos branca, mais transparente. Junte a linguiça a essa cebola e refogue também. Mexa um pouco para que não grude no fundo. Quando a linguiça começar a ficar corada, é hora de juntar a mandioca.


Vai ficar assim ó:


Então você adiciona na panela 1 litro de água fervente e mexe. Essa é a hora de temperar. Eu não pus sal, porque gosto de comida com pouco mesmo e a linguiça já é um pouco salgada. Você coloca a seu gosto. Se ficar em dúvida, espere o creme ficar pronto, prove e depois ponha o sal. Esse creme também pede pimenta. Eu usei a dedo de moça, sem sementes, cortada em pedaços bem pequenos. Mas já aviso que isso  é pra quem é chegado em um comida apimentada. Se não é o seu caso, ponha só uma pitadinha de pimenta do reino, pra dar um tchan.


Ela vai cozinhar. É bom dar uma olhada, mexer de vez em quando, porque pode precisar de mais água. 

Você vai perceber também que a mandioca cozinha rápido (quando ela está boa, né? Tem umas que são duras como o quê), cerca de 15, 20 minutos. Então você pode começar a tirar aqueles cabinhos que tem no meio da mandioca, sabe? Tire com o garfo e aproveite pra despedaçar a mandioca, pois o objetivo desse creme é que ele fica com pedacinhos da bicha, não pedações.

Você vai notar também que, conforme avança o cozimento, a mandioca se dissolve e deixa sua goma no caldo, fazendo com ele fique bem grosso. Se preferir mais ralo, adicione água. A hora de desligar o fogo e dizer que está pronto vai depender também do seu gosto. Como a mandioca já estará cozida e a linguiça também, tudo depende de como você quer a sua sopa. Quanto menos pedacinhos você quiser, mais tempo ela ficará no fogo. A minha ficou cozinhando por uns 40 minutos.


Depois de desligar o fogo, você mistura aquela salsa que você tinha picado lá no início. Nessa hora, o creme  muda de cor, dá uma esverdeada. É normal. E aí o seu maravilhoso creminho rústico, cheio de pedacinhos pra mastigar, quentinho e saboroso está pronto. Não que eu queira te ensinar isso também, mas ele é bom de ser comido na cama ou no sofá debaixo de um edredom quentinho e vendo televisão. É o que chamam de comfort food. Viu quanta coisa chique numa simples sopinha?

Nenhum comentário:

Postar um comentário