sábado, 2 de fevereiro de 2013

O Que Comi em Mendoza - Parte 3

O último restaurante de Mendoza foi uma grata surpresa. Ele fica em frente ao hotel em que nos hospedamos, o Diplomatic, mas não havíamos reparado nele. Só fomos porque recebemos a indicação do Javier, guia que nos levou para conhecer as vinícolas (que, aliás, é ótimo profissional e eu recomendo; o e-mail dele é  javiereppens@yahoo.com.ar).


O La Pampa y La Via é dedicado às carnes, com uma "parrillera" enorme e que dá pra ver da sua mesa - sem deixar tudo cheio de fumaça e sair cheirando a churrasco. Como o lugar é novo, inaugurou há pouco tempo, acredito que não deva ter site, pois procurei e não achei. Acima, nossas entradas: empanadas de carne incríveis, com a massa fina e folhadinha e o recheio de carne picada, não moída!


Meu prato foi uma escolha acertadíssima. São pedaços do que chamamos de costela, sem gordura, cozidos lentamente em caldo de carne, que se transformam numa carne macia, que desfia. Ainda acompanhou batatas crocantes por fora e cremosas por dentro. Tudo realmente perfeito! Ouso dizer que foi uma das melhores carnes que já comi, mesmo não sendo o corte mais nobre do boi.


Marido foi no tradicional bife de chorizo e se assustou quando chegou. Era um bifão enorme, com osso, servido sobre uma tábua, com uma saladinha de folhas e um molho parecidíssimo com o nosso vinagrete. Também estava delicioso.

Não houve espaço para a sobremesa. Atravessamos a rua e fomos para o hotel, felizes, felizes...

Nenhum comentário:

Postar um comentário