quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Rocambole de Carne

Esse prato é bem de vó, né? No meu caso, de irmã, porque ela faz um ótimo. Mas quis me arriscar e fazer o meu, com o meu recheio e temperos. Até porque é um prato fácil. Porém, como tem gente que visita o Pitaco e que não sabe muito de cozinha, vou dizer detalhadamente como fiz.


Usei 500g de carne moída. Coloquei em uma tigela, misturei 1 cebola pequena ralada, 2 dentes de alho picados, 3 colheres (sopa) de aveia em flocos e temperei com sal e pimenta. Amassei bem, para ficar homogêneo e abri sobre um retângulo de papel alumínio.


Como recheio, usei fatias de peito de peru defumado, cenoura ralada e folhas de espinafre. Muita gente usa bacon e linguiça, mas, como eu não como carne de porco, substitui pelo peru. Tem também que coloque ovos cozidos. Fica igualmente gostoso e bem bonito quando fatia, mas fica difícil para enrolar.


Na hora de enrolar, ajuda se você utilizar o papel alumínio. Você começa enrolando com o papel alumínio, mas sem colocá-lo para dentro do recheio, claro. É preciso enrolar um pouco e puxar o papel para trás, enrolar mais um pouco, puxar o papel. Como a carne é moída, a tendência dela é se separar. O papel faz com que ela permaneça unida. Vá assim até terminar. O rocambole vai ficar na pontinha do papel. Enrole o alumínio por cima do rocambole, fazendo uma capa e transfira para uma travessa.


Leve ao forno médio - mais para forno baixo - por cerca de 20 minutos. Retire o papel alumínio para que o rocambole fique corado e com casquinha e deixe uns 10 minutos. Pronto! É só fatiar e servir com arroz branco e salada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário