sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Food Trucks

Assino a revista Viagem e Turismo, porque, como vocês sabem, sou apaixonada por viagens. Se pudesse, não tinha casa, passaria a vida rodando por aí. Como muitas vezes os quesitos turismo e culinária se misturam, costumo postar aqui no Pitaco os pratos que provo nas viagens que faço e dou a indicação do restaurante ou do prato típico.


Com essa união de temas, este mês saiu na revista a nova moda em Nova York: os food trucks, ou, numa tradução literal, "caminhões de comida". Trata-se da nossa boa e velha comida de rua, em que um carro é adaptado para ser uma lanchonete. Quando estivemos lá, Marido provou um cachorro-quente com chilli num desses. Este lanche é comum, tradicional, mas a novidade agora é que existem carros que servem comidas mais elaboradas, com chefs mesmo, e que avisam a localização onde estão por Twitter e Facebook. Coisa chique mesmo! Acho que vou precisar voltar à Big Apple para conferir!

Se quiser ler a reportagem toda, clique aqui.

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Minha Primeira Lasanha

Nunca tinha feito lasanha, acredita? Apesar de ser algo simples, de todo mundo saber fazer, eu ainda não havia preparado nenhuma. Justamente porque é um prato fácil eu não vou ensinar a fazer, vou apenas dizer como eu fiz e você pega as dicas que achar que se encaixam.


Existem muitos recheios de lasanha. Fui de queijo mussarela e peito de peru defumado, porque era o que tínhamos na geladeira. Piquei ambos em pedaços pequenos e usei também molho branco e molho de tomate.


A montagem foi feita assim: untei o pirex com molho de tomate, coloquei duas fatias de massa, metade do queijo e do peito de peru, o molho de tomate, mais duas fatias de massa, o restante do queijo e do peito de peru, o molho branco, outras duas fatias de massa, pedacinhos de manteiga e queijo parmesão ralado. Depois, forno até dourar o queijo e pronto!


Ficou ótima, não desmontou como as lasanhas de caixinha e também não ficou tão gordurosa. E, por incrível que pareça, nem é tão trabalhoso assim...


Vou tentar fazer outras, agora que peguei a mão. Adoro a de frango com vegetais e é uma possibilidade para breve. Vou tentar também fazer e congelar, isso eu não sei se rola, mas eu tento e depois conto aqui.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Ah, minha cozinha...

Andei ausente, né? Não foi por mal não, pode acreditar. Tenho até muitas receitas para postar, faltou foi tempo - e cabeça. Mas vou tentar voltar, amanhã mesmo já tem receitinha nova, tá?




quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Quibe de Atum

Estou buscando novas formas de comer atum que não seja em sanduíche natural ou em salada de macarrão. Já fiz almôndegas e agora fui de quibe.


Usei:

2 latas de atum ralado light
150g de trigo para quibe
1 cenoura pequena ralada fina
1 cebola ralada
4 colheres (sopa) de hortelã picada
2 colheres (sopa) de maionese

Coloquei o trigo para hidratar uma hora antes. Espremi em um pano de prato, porque na mão eu sempre deixo úmido e na peneira não dá. Escorri também o atum e tentei tirar o máximo possível de água da cenoura. Misturei todos os ingredientes em uma tigela, temperei com sal, pimenta e cominho e espalhei em um pirex untado com azeite. Levei ao forno médio por cerca de 30 minutos para que ficasse com a casquinha dourada.

Se eu tivesse com menos preguiça neste dia, teria saído para comprar salsa e adicionaria ela picadinha à massa. Também teria feito uma salada de alface e tomate para acompanhar, pois é um prato leve, perfeito para o jantar, e poderia ter ficado mais nutritivo com a salada ao lado. Porém, era um dia de pouco ânimo e comemos só o quibe. Ainda assim, foi uma ótima refeição.

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Jogo de Cozinha

Confesso que adoro jogar. Isso é terrível, se eu não cuidar fico viciadíssima. Mas gosto de ter sempre uns joguinhos bobos no computador para desestressar quando preciso. No momento, estou curtindo esses:


Coffee Rush: é um misto de puzzle (aqueles jogos de formar conjuntos) com jogo de servir. O cliente faz o pedido, você junta os ingredientes e serve. Tem download grátis aqui.


Outro que amo é o Delicious, também conhecido como jogo da Emily. Esse já possui uma série, tem até os temáticos. Eu já fiz tudo o que dava pra fazer no um, agora estou focando no dois. Também dá pra baixar grátis aqui. Você atende o cliente no balcão ou nas mesas, prepara o pedido, serve e pega o dinheiro. Tudo isso com o tempo contra você. Dá pra ir decorando o restaurante com a grana que ganhar.

Eu deixo claro que se trata de uma bobagem, que eu perco tempo jogando isso, porém me descontrai, não faz mal a ninguém... Se você quiser, deixe aí no seu PC para o dia que precisar.

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Arroz com Lentilha, Pimentão e Cebola

Sim, é arroz com lentilha, mas é um pouco diferente. Tem também pimentão e a cebola não vai por cima, vai misturada. É igual, mas não é, sabe?


Comece cozinhando as lentilhas. Eu já as tinha cozidas, então fui direto para a segunda etapa. Fatiei uma cebola pequena e levei ao fogo com uma colher (sopa) de manteiga e um fio de óleo, deixando fritar até dourarem. Polvilhei 1/2 colher (chá) de açúcar, esperei caramelizar um pouco e reservei em um recipiente. Na mesma panela, refoguei pimentão vermelho cortado em quadradinhos e 1 xícara (chá) de arroz. Temperei, juntei 1 xícara (chá) de lentilhas cozidas, água fervente, tampei e esperei cozinhar. Desliguei o fogo e misturei as cebolas fritas.

Teria sido ótimo servir com kaftas ou kibe, mas a única carne que tínhamos era contrafilé em bifes, logo foi o que acompanhou. O sabor do arroz ficou divino, melhor do que o tradicional arroz com lentilhas que conhecemos.

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Faca Para Manteiga

A Warburtons é uma fábrica inglesa de pães que fez uma pesquisa sobre o que não era legal no café da manhã. Venceu passar a manteiga gelada no pão. Eu concordo: a manteiga gelada não espalha e você fica tirando pedaços de manteiga e amassando no pão. Não é mesmo bom!


Para resolver o problema, eles criaram uma faca que esquenta a 42 graus, temperatura definida em pesquisas que derrete a manteiga, porém mantém o sabor e a textura. Quando você passa a faca na manteiga gelada, ela amolece instantaneamente e vem com facilidade para você lambuzar o seu pão.

Fala que é das inutilidades mais maneiras que você já viu?!

domingo, 5 de agosto de 2012

Purê de Batatas

Você está achando que eu sou louca e que vou agora ensinar a fazer purê de batatas, a comida mais fácil de todos os tempos. Não é bem isso! Eu só vou dar a dica de como EU faço purê. Eu fazia de um jeito muito mais trabalhoso, ficava amassando as batatas, mas depois aprendi esse, muito mais fácil, rápido e sujando menos louça.


Acabei esquecendo de tirar foto do passo a passo, mas você vai entender. Coloco as batatas para cozinhar com casca, em água e sal. A quantidade de água é a suficiente para cobrir as batatas. Fico espetando para ver quando estão macias. Não é bom tirá-las al dente, é melhor esperar cozinhar bem. Quando estão bem molinhas, escorro a água, descasco-as e deixo na panela. Adiciono a manteiga e o leite na mesma panela e bato tudo com o mixer. Como a batata (e a panela) ainda estão um pouco quentes, a manteiga derrete e o purê fica bem homogêneo. Se achar que ficou muito mole, volte ao fogo e mexa até reduzir. Se achar que está grosso, coloque mais leite e bata novamente.

Deste jeito, o purê fica lisinho, você não precisa usar e lavar o espremedor nem nenhuma outra louça. Além de ser rápido. Viu? Não ensinei a fazer purê, só deixei a minha dica!

sábado, 4 de agosto de 2012

O Final

E lá se foi o finzinho do último pote de manteiga de amendoim... Num típico sanduíche americano de manteiga de amendoim com geléia, nesse caso, de ameixa...


Respira, Lilian, agora você já aprendeu como fazer a manteiga e não vai mais morrer de abstinência!

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Cookies de Amendoim

Tem gente que sai em busca do homem perfeito, outros vão à procura da batida perfeita. Eu quero o cookie de manteiga de amendoim perfeito, igualzinho ao que comi na Filadélfia. Já fiz outros, mas os dois viciados dessa família - meu irmão e eu - concordamos que este é o melhor!


Achei a receita no Baunilha e Chocolate e fiz quase igual. Na batedeira, coloquei 1/2 xícara (chá) de manteiga em temperatura ambiente, 1 xícara (chá) de manteiga de amendoim e 1 xícara (chá) de açúcar mascavo. Bati bem até homogeneizar. Juntei 1 ovo e bati mais um pouco. Adicionei 1 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo, 1 colher (chá) de bicarbonato de sódio e uma pitada de sal e mexi até misturar bem. Joguei 1 xícara (chá) de amendoins sem pele na massa, mexi com uma espátula e comecei a enrolar as bolinhas. Coloquei na forma, sobre papel manteiga, e levei para assar em forno médio até o fundo começar a dourar. Retirei, deixei esfriar sobre uma grade e guardei em um pote hermético.

Dividi igualmente entre meu irmão e eu. Pelo que percebi, ambos acabaram numa velocidade absurda. É fato: preciso fazê-los mais vezes!

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Guacamole Animada

Videozinho muito criativo sobre o modo de fazer uma guacamole. Atente para a pimenta-lâmpada!


Adoro ver gente inovadora se inspirar em comida!

*se não conseguir ver, vá direto ao post

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Mini Penne com Champignon e Azeitona Preta

Ultimamente, estamos metidos e só comendo massa Barilla. Hehehehe! Não é bem isso, é que estava em promoção no supermercado e essa só trouxemos porque eu me apaixonei. Mini pennes! Lindos! Feitos de abobrinha e espinafre! Irresistíveis!


Eles são realmente pequenos, devem ter uns 5cm de comprimento. É só reparar que, na foto, eles são do mesmo tamanho do champignon fatiado. E não eram aqueles champignons gigantes não, eram daqueles normais, em conserva. Cozinha em cerca de 6 minutos.


Para fazer o molho, fritei cebola ralada em manteiga, juntei a azeitona e o champignon fatiados, adicionei creme de leite, sal, pimenta, uma pitada de manjerona e misturei o penne. Até pensei em colocar alguma carne, mas não. Queria assim, vegetariano mesmo. Ficou super saboroso e também nutritivo.

Agora imagine quantas ideias já tive com esses "minimacarrões"? Saladas, sopas, comidas infantis, divertidas... Vou sair à procura de outros para novos experimentos.